Após corte de energia, sorveteiro conta com a solidariedade de clientesTempo de leitura: 1 min

Na tarde de terça (10), o sorveteiro Luís Augusto Demori Fernandes, da Gelateria Demore’s, de Votuporanga (SP), fez um apelo emocionado em suas redes sociais: ele precisava vender, com urgência, o seu estoque de 4 mil picolés e 300 kg de sorvete de massa. O motivo é que a luz de sua sorveteria em havia sido cortada por falta de pagamento e o prejuízo seria ainda maior caso não conseguisse escoar os seus produtos.

A boa notícia é que o apelo de Fernandes comoveu clientes e internautas, que se mobilizaram para comprar todo o estoque da gelateria. Porém, as contas de luz atrasadas, que acumulam cerca de R$ 17 mil, são apenas a ponta do iceberg. Em entrevista ao UOL, Fernandes contou que sofreu um baque com a queda no movimento desde o fim do ano passado e que a crise se agravou com o início da pandemia.

Mesmo investindo em delivery e drive thru no período de quarentena, as vendas foram insuficientes para cobrir as despesas básicas. Atualmente, aluguéis do imóvel onde fica a sorveteria estão atrasados.

Além de vender os seus produtos, o proprietário da Gelateria Demore’s tem recebido doações em dinheiro. Hoje, o grande sonho de Fernandes é pagar as dívidas e reconstruir o seu negócio. Estamos na torcida.

E com o objetivo de ajudar pessoas como Fernandes, que sofreram o baque causado pela pandemia, entre os dias 19 e 24 de agosto, vai acontecer a imersão Retomada das Sorveterias. Ministrado pela chef gelatiere Marcia Garbin, o curso online e 100% gratuito vai trazer uma série de dicas de como reerguer os seus negócios nesse período pós-quarentena. Inscrições pelo link melhorgelatodomundo.com.br/imersao

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email